Buscar
Cadastro Newsletter
Redes Sociais
Acesso aos Editais

Skip Navigation LinksHome > Lista de Notícias > Notícia
Notícia - UGT sedia reunião do BRICS Sindical que busca reconhecimento oficial
UGT sedia reunião do BRICS Sindical que busca reconhecimento oficial

Na quarta-feira, dia 10, representantes da área internacional das centrais sindicais, estiveram reunidos na sede da União Geral dos Trabalhadores - UGT. A pauta do encontro foi o aprofundamento das ações do BRICS Sindical, e o seu reconhecimento oficial como organismo de representação dos trabalhadores junto aos países que integram o BRICS, mecanismo internacional que engloba cinco países de economia emergente (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul).

Atualmente, os BRICS são detentores de mais de 21% do PIB mundial. Representam 42% da população mundial, 45% da força de trabalho e o maior poder de consumo do mundo. Destacam-se também pela abundância de suas riquezas nacionais e as condições favoráveis que atualmente apresentam para explorá-las.

Além do reconhecimento oficial, as centrais que compõem o BRICS Sindical, devem apresentar a proposta de criação de um grupo de trabalho sobre o Diálogo Social e que em setembro, quando está prevista a reunião dos presidentes dos BRICS, a delegação do BRICS Sindical possa ser recebida para a entrega da Declaração dos Trabalhadores, consolidando assim o Tripartismo de diálogo social defendido pela OIT (Organização Internacional do Trabalho).

No encontro foram apresentadas as datas das reuniões do BRICS Sindical, Reunião dos Ministros do Trabalho e da 9ª Cúpula do BRICS, sendo : Fórum do BRICS Sindical: 24 a 26 de julho/2017,  Reunião dos Ministros do Trabalho:  26 e 27 de julho/2017 , ambos na Cidade de Pequim,  dos Países que compõem o BRICS; e nos dias 3 a 5 de setembro, em Xiamen, 9ª Cúpula do BRICS com os Presidentes do Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul.

Participaram da reunião  Wagner José de Souza, UGT – Coordenação, José Adilson Pereira, CTB, Ortélio P. Cuesto, Força Sindical, Clair Siobhan Ruppert, CUT, Geraldo Ramthun, NCST, Adelson Quanta e Adriana Campos Jarenciuc, CSB, Mirella Mendes e Anselmo dos Santos, Assessores da SRI UGT e Francisco Ferreira de Souza, COBRAM/UGT, como também, Pâmela Felicio e Professor Jorge Hori, do IAE – Instituto de Altos Estudos da UGT.

Uma nova reunião de todas as Centrais Sindicais dos Países que compõem o BRICS deverá acontecer durante a 106ª Conferência Internacional do Trabalho, em Genebra, no próximo mês de junho.

Fonte: UGT - 19/05/2017
 
Comentários